quinta-feira, 26 de janeiro de 2012

Sessões Júnior à Volta dos Livros

Num esforço de aproximação àqueles que porventura serão os seus futuros alunos, procurando ir de encontro aos seus interesses, esclarecê-los sobre o conteúdo e aplicabilidade de algumas matérias e despertar o interesse por novas áreas, a Universidade do Porto tem oferecido às escolas um programa de palestras para alunos do 3º ciclo do ensino básico e do ensino secundário, proferidas por alguns professores universitários.
Cada tema tem por base um livro editado pela Universidade do Porto (U.Porto Editorial) do qual é oferecido um exemplar à biblioteca da escola.
No dia 25 de janeiro, no auditório da ESOD, decorreu a sessão “A Matemática e o Código de Barras”, apresentada pelo Dr. Christian Lomp, tendo por base o livro Treze Viagens Pelo Mundo da Matemática – oferecido à BE-ESOD.

1ª sessão júnior - Mat e Código de Barras

Na presença interessada das turmas 10ºE, 11ºE, F, H e 12ºA e B, o palestrante esclareceu muito brevemente o significado e o modo de detetar e corrigir erros nos códigos de barras de: livro (ISBN, o Bilhete de Identidade dos livros), cartão de crédito, bilhete de identidade e cartão do cidadão.

~ ~ ~

No dia 1 de fevereiro, no mesmo local da ESOD, as turmas do 8º ano e alunos do 12ºB  assistiram à palestra “A luz no quotidiano”, apresentada pelo Dr. Luís Miguel Bernardo, baseada no livro da sua autoria Histórias da luz e da cor, vol. I– oferecido à BE-ESOD.

 

Luz no quotidiano

Luz no quotidiano2

cores_borboletas

Houve explanação pormenorizada sobre a formação do arco-íris, as cores nas borboletas, a invenção e evolução do telescópio, do espectroscópio, do laser e suas várias aplicações.

~ ~ ~

No dia 14 de março, no auditório da ESOD, as turmas do 8º ano assistiram à palestra “Aquacultura: como produzimos o peixe que comemos?”, apresentada pelo Prof. José Fernando Gonçalves, a partir do livro Que comemos?, oferecido à BE-ESOD.

 

aquacultura

Iniciou-se a sessão com a definição de aquacultura e dos seus diferentes grupos, tipos, divisões e finalidades, os sistemas principais em utilização, com destaque para as principais espécies cultivadas em Portugal, na atualidade. Foi igualmente referida a qualidade comparativa com o pescado selvagem e o que se espera da Aquacultura no futuro, perspetivando esta atividade no nosso país.

Aqui agradecemos a disponibilidade manifestada pelos intervenientes da Universidade do Porto.

Sem comentários: