quinta-feira, 19 de abril de 2012

23 de abril – Dia Mundial do Livro / 25 de abril

Comemoração

 

Sugestões de leituras

Contos e pequenas narrativas:
Vinte Cinco a Sete Vozes – 5ª Voz, de Alice Vieira

O Tesouro, de Manuel António Pina

Nesta comemoração, leram-se os textos acima sugeridos nas turmas dos 8ºB e C.  Houve também leituras entre as turmas dos 7º e 8º anos. Os alunos ouviram apresentações de livros:
.“História de uma gaivota e do gato que a ensinou a voar”, de Luís Sepúlveda, pela Débora Castro do 7º B
.“O Mundo em que vivi”, de Ilse Losa, pela Juliana Fonseca do 8ºC
.“O Tesouro”, de Manuel António Pina, pela Ana Rita Graça do 8ºC
.“Vida sem limites”, de
Nick Vujicic, pela Joana Dias do 8ºC
.“O Regresso dos Dragões”, de A J Lake, pelo Ivo Martins do 8ºC
.“Ao Serviço de Sua Majestade”, de Álvaro Magalhães, pela Catarina Almeida do 8ºC.

apresentações 8Cfoto - Miguel Sousa, aluno do CEF Operador de Informática

IMG_8482 IMG_8487

fotos – profª Lara Paulo

Nas turmas dos 7º e 8º anos, os alunos também completaram provérbios alusivos aos livros e à leitura.

~ ~ ~

 

SABIA QUE…

Sabia que o sinal para a revolução de Abril foi dado pela transmissão de uma canção?
Eram 22.55 horas do dia 24 de Abril quando a  transmissão da canção «E depois do Adeus», interpretada por Paulo de Carvalho, na antena dos Emissores Associados de Lisboa, marcou o início das operações militares contra o regime. clip_image001
Às 00.20 horas do dia 25 de Abril, a transmissão da canção «Grândola Vila Morena» de José Afonso, no programa «Limite» da Rádio Renascença, foi a senha escolhida pelo  MFA (Movimento das Forças Armadas) como sinal confirmativo de que as operações militares estavam em marcha e eram irreversíveis.
A partir das 00.30 horas, começava a ocupação de pontos estratégicos considerados fundamentais para derrubar o governo: RTP, Emissora Nacional, Rádio Clube Português, Aeroporto de Lisboa, Quartel General, Estado Maior do Exército, Ministério do Exército, Banco de Portugal e Marconi.
Conheça a revolução de 25 de Abril de 1974.
Sabia que Ernesto Melo Antunes foi o principal ideólogo do MFA (
Movimento das Forças Armadas).

in Instituto Camões, [19/04/2012]

Leia + sobre esta temática numa nossa postagem anterior.

Homenagem a António Tabucchi

recolha de textos deste livro digital: profª Guilhermina Costa
formatação de texto e imagens: prof. Rafael Tormenta

 

painel comemorativo
pelo prof. Rafael Tormenta
fotos – Miguel Sousa, aluno do CEF Operador de Informática

dia mundial do livro_marcadores

marcadores elaborados em trabalho colaborativo com
as professoras Andrelina Silva e Palmira Pereira

Sem comentários: